Você está pesquisando por News?
+55 11 2193-2960
+55 11 94792-8632
Busca em Território Indígena Menkragnoti 26-08-2019: 54589 (1 - 3 de 45)
Exibição:
Thumb pequena
  • Thumb pequena
  • Thumb média
  • Thumb grande
Autorizações
  • Autorizações
  • Com Model Release
  • Sem Model Release
20 fotos por página
  • 20 fotos por página
  • 40 fotos por página
  • 80 fotos por página





Carregando...
Refine sua busca
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789427
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789427

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Castanheira derrubada proxima do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789426
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789426

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Base de Monitoramento do Território Indigena Menkragnoti, proximo a aldeia Krimej. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789425
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789425

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, segue pelo rio Pitchacha para vistoriar, junto com sua equipe, uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789424
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789424

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, vistoria uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789423
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789423

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, ao lado do filho Monhire, 36 anos (armado) vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789407
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789407

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, vistoria uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Ele pula uma vala no meio da bucha construida pelos madeireiros. A vala foi feita pela equipe de monitoramento para impedir a entrada dos madeireiros no território indigena. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789406
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789406

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, ao lado do filho Monhire, 36 anos (armado) vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789405
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789405

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, ao lado do filho Monhire, 36 anos (armado) vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789404
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789404

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, ao lado do filho Monhire, 36 anos (armado) vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789403
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789403

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789402
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789402

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Monhire, 36 anos, vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789421
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789421

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, vistoria uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789401
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789401

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, ao lado do filho Monhire, 36 anos (armado) vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789400
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789400

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, segue pelo rio Pitchacha para vistoriar, junto com sua equipe, uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789399
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789399

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, segue pelo rio Pitchacha para vistoriar, junto com sua equipe, uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789420
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789420

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, segue pelo rio Pitchacha para vistoriar, junto com sua equipe, uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789397
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789397

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, vistoria uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789419
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789419

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, ao lado do filho Monhire, 36 anos (armado) vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789418
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789418

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, ao lado do filho Monhire, 36 anos (armado) vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
Território indígena Menkragnoti

Data da imagem: 31/08/2019
Cod. da imagem: 1789417
Crédito: João Laet/ Fotoarena

COLEÇÃO PREMIUM
Direito Controlado


Data da imagem: 31/08/2019

Cod. da imagem: 1789417

Crédito: João Laet/ Fotoarena

Cacique Kadjyre, da aldeia Krimej, ao lado do filho Monhire, 36 anos (armado) vistoria com o restante da equipe uma estrada aberta por madeireiros dentro do territorio indigena Menkragnoti. Este trabalho de defesa e monitoramento do territorio é planejado pelo Instituto Kabu que foi criado pelos Kayapos em 2008 para defender seus direitos. O Kabu realiza periodicamente o monitoramento do desmatamento no TI Baú e TI Menkragnoti e também numa borda de 100km no entorno destas duas reservas indigenas.

COLEÇÃO PREMIUM
Criativa RM
 
 
  < Anterior
 
HOME    |    QUEM SOMOS    |    PARCEIROS    |    ENTRE EM CONTATO    |    TERMO DE USO

COPYRIGHT 2008-2019 FOTOARENA. PROIBIDA A CÓPIA OU REPRODUÇÃO SEM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA..